RI: conheça nosso portfólio e resultados financeiros

5 min de leitura 05 outubro. 2021

Entenda a importância do Cap Table para o investidor

# G2D Investiments
Entenda a importância do Cap Table para o investidor

Entre os anos de 2015 a 2019, o número de empresas emergentes subiu de 4.151 para 12.727, um aumento que chega a 207%. Por conta dessa crescente, o termo Cap Table ganhou destaque entre as ferramentas indispensáveis em uma empresa. 

Mesmo que o Cap Table seja algo relativamente simples, sua implementação é bastante importante, dado que traz mais confiabilidade e transparência ao funcionamento da estrutura societária de uma organização. 

O que é o Cap Table

Conhecido também como capitalization table, o Cap Table é uma ferramenta usada pelas empresas com o objetivo de detalhar as participações acionárias. Em outras palavras, é uma tabela de capitalização que discrimina todos os investimentos recebidos em cada etapa de seu crescimento.

Uma vez que os dados fornecidos pela ferramenta são a quantidade de investimentos recebido em diferentes momentos, o Cap Table precisa responder duas questões: 

 

  • Quem tem participação?
  • Quanto cada investidor tem de participação?

Essas respostas são fundamentais tanto para o empreendedor ter um controle dos acionistas quanto para o investidor que utiliza esses dados para escolher os melhores investimentos.

Por que o Cap Table é indispensável em uma empresa? 

Mais do que ajudar a entender quem são os Anjos, o que é Venture Capital e Crowdfunding, a Cap Table em startups é bastante útil para entender o ritmo de expansão do negócio, a perspectiva de longo prazo da companhia e quem são as pessoas/empresas que estão por trás desse crescimento. 

Outro ponto importante que deve ser levado em consideração é que, pelo fato de a aquisição de participações acionárias ser um investimento de risco considerável, quanto mais informações sobre ativo houver, mais confiabilidade ele trará para o investidor. 

O que deve conter no Cap Table?

Um Cap Table apresenta, além das porcentagens de posse: 

  • as diluições;
  • o valuation da participação total dos acionistas em cada rodada de investimento;
  • as garantias dos acionistas;
  • os direitos e opções de cada pessoa/organização que integra o quadro societário de uma empresa. 

Apesar de ter um conceito simples, a complexidade da Cap Table pode ir aumentando à medida que a empresa for levantando novos rounds de investimento e, consequentemente, trazendo novos sócios.

Cap Table de startups

As startups costumam ter duas Cap Tables diferentes: em uma são descritos todos os acionistas atuais, ou seja, todos aqueles que constam nos contratos sociais. A outra conta com as previsões de cotas, todas aquelas participações com prazos futuros.

Esses investidores que estão presentes na segunda Cap Table são aqueles que possuem notas conversíveis — um recurso utilizado como prazo para a conversão de notas em ações no momento em que a empresa se tornar uma S/A. Isso garante uma segurança jurídica para os futuros investidores. 

Junto a esses futuros investidores, o segundo Cap Table também pode contar com a presença de vestings. Essa prática consiste em colaboradores que se tornam sócios de uma startup durante um período pré-definido, geralmente com alguma condição de performance. 

Por essas razões, é comum que as “previsões” de uma startup contem com situações hipotéticas. Dessa forma, é possível ter uma visão mais ampla do negócio ainda em seu estágio inicial.  

Os desafios do Cap Table

Desenvolver a tabela de capitalização pode ser um desafio, principalmente se o capital total da empresa foi agregado em múltiplos rounds de investimentos, o que traz um grau de complexidade maior para a elaboração do documento. 

Além disso, ele deve ser referência para processos jurídicos e possíveis investidores, já que o contrato social é um documento em que não aborda esses detalhes com a mesma profundidade.

Sendo assim, o maior desafio do Cap Table está em sua execução. A tabela completa, por exemplo, é um documento que contém a participação passada e atual dos acionistas da empresa. 

Dessa maneira, manter o papel com as informações constantemente atualizadas é desafiador, dado que o quadro de acionistas pode mudar em determinados períodos.

Broken Cap Tables

É de extrema importância que as tabelas de capitalização estejam corretas, caso contrário, elas podem apresentar prejuízos milionários. Entre os erros mais comuns estão os registros de acionistas e os planos de ações de funcionários. Isso faz com que os Cap Tables “quebrem”. 

Portanto, o Cap Table é confiável, mas é de extrema importância que esteja sempre atualizado para não causar prejuízos de diferentes níveis para o seu negócio. 

Deve-se ter em mente que, apesar de no início uma startup contar apenas com seus fundadores na tabela de capitalização, a tendência é que novos investidores sejam adicionados à ela.  

Assine a nossa newsletter e acompanhe as novidades do mercado

A G2D é uma empresa de Venture Capital que investe em startups em crescimento que demonstram inovação disruptiva, buscando lucrar com o desenvolvimento dos empreendimentos tanto no Brasil como no exterior.

Caso queira contar com o conhecimento de quem conhece e sabe investir no mercado de ações, venha conhecer nosso trabalho e aproveite para assinar a nossa newsletter, ficando atento a todas as novidades.

#

O que é a G2D investimentos

A G2D é uma plataforma global de investimentos em empreendimentos promissores quando o assunto é tecnologia disruptiva e crescimento acelerado. Está listada na B3 como (G2DI33)