RI: conheça nosso portfólio e resultados financeiros

5 min de leitura 10 março. 2022

Equity: o que é? Entenda como construir patrimônio

# G2D Investments
Equity: o que é? Entenda como construir patrimônio

Para aqueles que são novos no mercado financeiro, é importante entender o que é equity. Entretanto, provavelmente você não ficará surpreso em saber que, no mundo dos investimentos, há mais de uma definição para o termo.

Então, o que você precisa saber antes de investir? Continue neste artigo e conheça os principais usos da palavra, além de ficar por dentro de informações relevantes sobre o assunto.

O que é Equity?

A palavra equity é usada em finanças em diversos contextos e com diferentes propósitos. Para quem está começando a investir, entendê-la é fundamental.

Para um investidor, o termo em inglês significa o seu patrimônio líquido. Patrimônio líquido, por sua vez, é a diferença de todos os ativos menos os passivos. Enquanto os ativos correspondem aos rendimentos, os passivos correspondem às despesas.

Logo, o termo pode representar o valor líquido de uma conta de investimento. Por exemplo, se é descontado um valor de comissão do gerente da sua carteira, os rendimentos que ficam são chamados equities.

É comum que as pessoas questionem qual é o equity de uma empresa na hora de aplicar. Veja da seguinte forma:

  • O equity de um negócio é o seu patrimônio líquido. Quando um investidor faz esse investimento, ele está comprando ações, ou seja, se tornando sócio do negócio. A partir de então, passa a ter uma parcela dos resultados do empreendimento.

Sendo assim, a palavra é geralmente utilizada para designar o patrimônio líquido de uma carteira de investimentos. No entanto, ela ainda pode ser empregada de outras formas, como ativo ou ação.

Equity também pode ser uma palavra usada para falar de private equity. Tratam-se de ações de empresas já consolidadas, mas que ainda não têm capital aberto.

Resumindo, esse tipo de investimento pode fornecer aos investidores a propriedade de empresas públicas ou privadas, com os direitos decorrentes de ser societário.

Como calcular

Antes de começar a investir, é importante conhecer o equity das empresas. Para isso, pesquise as indústrias com as quais você pretende negociar.

Agora que você já sabe o que são os ativos e passivos, é preciso acessá-los para poder calcular o equity de uma empresa. Dessa forma, tenha em mãos o balanço patrimonial da empresa, que inclui todas as informações necessárias para ver a proporção entre os ativos e passivos.

Assim que obter as informações, subtraia o total de todos os passivos do total de todos os ativos para encontrar o patrimônio líquido da empresa. Pense na seguinte fórmula:

  • Ativo – passivo = equity (patrimônio líquido)

Como investir em equities

Para começar a investir em equities, você deve dar os primeiros passos que qualquer investidor iniciante daria para negociar ações. O investimento em equities pertence à categoria de renda variável, logo, é mais indicado para pessoas que estão dispostas a correr riscos.

Primeiramente, abra uma conta de investimentos. Ao mesmo tempo, determine suas metas de investimento e configure um orçamento. Antes de tomar qualquer decisão, pense em quais objetivos você tem e pesquise as empresas que se alinham às suas metas.

Uma das alternativas são os fundos. Os fundos de investimentos permitem que as pessoas invistam de maneira coletiva, onde cada um possui um número de cotas proporcional ao valor total de suas aplicações. A partir disso, o investidor tem acesso a vários ativos, o que lhe permite diversificar a carteira.

Também existe a opção de investir em private equity. Nessa modalidade, as ações da empresa não estão listadas na bolsa de valores, ou seja, o investimento é privado. A transação pode ocorrer através de investidores particulares, outras empresas ou FIPs.

Vantagens e desvantagens de investir em equity

Existem, sobretudo, dois benefícios significativos em investir nessa modalidade. Em primeiro lugar, o potencial maior de vencer a inflação. Afinal, quando você toma decisões de investimento inteligentes, é capaz de ver seu dinheiro crescer. Isso permite que você tenha recursos para viver da melhor forma e driblar as adversidades, como a inflação.

Por último, os juros compostos. Investir oferece uma oportunidade de aumentar significativamente o tamanho do valor original aplicado, à medida que a empresa cresce ao longo do tempo. Os pagamentos vêm tanto de ganhos de capital quanto de dividendos.

Apesar disso, os riscos também estão presentes, afinal, não há investimento totalmente livre de riscos. Um deles são os preços flutuantes. Os preços de ações podem mudar sem qualquer aviso prévio, como investidor, você precisa permanecer calmo quanto a essa possibilidade.

Também é arriscado não diversificar seu portfólio e colocar todo o seu dinheiro em uma ação, na esperança de obter grandes lucros. Portanto, seja investindo em fundos, private equity ou outra modalidade, diversificar é fundamental.

Como observamos, investir é uma parte vital do crescimento da sua riqueza ao longo do tempo. Permitir o acesso a investimentos em empresas inovadoras é o que move a G2D Investments.

A G2D é uma plataforma global que garante que qualquer pessoa tenha a oportunidade de investir em empresas que estão em crescimento exponencial, isto é, no pré-IPO. Esse é o estágio onde ocorre uma massiva geração de valor.

Através da nossa newsletter, compartilhamos novidades e análises dos nossos especialistas. Quer continuar descobrindo mais sobre equity e o mercado financeiro? Inscreva-se e leia o conteúdo diretamente no seu e-mail.

#

Conteúdos sobre tecnologia, startups e investimentos em Venture Capital e ativos alternativos.