RI: conheça nosso portfólio e resultados financeiros

6 min de leitura 01 abril. 2022

O que é mini dólar e como lucrar com ele

# G2D Investments
O que é mini dólar e como lucrar com ele

mini dólar é um ativo que tem atraído muitos investidores, pois conta com características que o tornam extremamente vantajoso, como a liquidez alta, a volatilidade baixa e os custos reduzidos em comparação com o contrato cheio de dólar. 

Mas, afinal, você sabe o que o mini dólar significa e como negociá-lo na Bolsa de Valores? Quer conhecer melhor esse ativo? Neste artigo, explicamos como esse tipo de investimento funciona e de que maneira você pode lucrar muito com ele. Confira! 

O que significa mini dólar? 

A expressão “mini dólar” está relacionada ao mini contrato de dólar futuro. O mini dólar oscila em função da taxa de câmbio do dólar. Ele é negociado na Bolsa de Valores e padronizado conforme as datas de vencimento. 

Tais mini contratos são acordos de compra ou venda futura da moeda, por um valor estabelecido previamente. O valor é auferido em reais por mil dólares. O lote mínimo para a negociação com mini dólar futuro é de um contrato.

O ativo mini dólar apresenta valor de contrato equivalente a 20% do contrato-padrão de dólar e é um dos mini contratos futuros de moeda mais negociados. 

Cada contrato de futuro de dólar representa a quantia de US$ 50 mil. Esse tipo também é chamado de contrato cheio. Os contratos de mini-dólar são 1/5 do valor do contrato cheio, ou seja, US$ 10 mil.

Vale dizer que as cotações do mini dólar são influenciadas pelo mercado externo e acompanham as variações cambiais. Não se trata de um investimento de longo prazo, já que nada mais é que uma operação de day trade: uma aposta na oscilação da moeda no mesmo dia. 

Por que investir em mini dólar?

As características que mais chamam a atenção no ativo mini dólar são a alta liquidez e a baixa volatilidade. Ele também tem redução de custos e valores. Além disso, é extremamente simples começar ou terminar uma operação com mini dólar. Basta digitar o código do ativo e dar a ordem de compra ou venda no home broker da sua corretora. 

Tais qualidades atraem muitos investidores e tornam o mini dólar um investimento muito vantajoso. Um dos fatores que o tornam  tão atrativo é que, quando executado corretamente, ele protege o capital das variações no preço da moeda. 

Com o mini contrato, o investidor é capaz de operar com valores mais baixos, acessíveis tanto para pessoas físicas quanto jurídicas que queiram investir na Bolsa de Valores sem correr riscos tão extremos.

Como operar mini dólar na Bolsa de Valores

Operar mini dólar na Bolsa é mais simples do que se imagina e não difere muito de uma operação com ações. As principais corretoras de valores do mercado fornecem plataformas on-line de home broker.

Essas plataformas permitem ao investidor operar mini índice e mini dólar usando qualquer aparelho conectado à internet nos dias úteis, entre 9h e 18h. Trata-se de um procedimento simples.

O código de negociação do ativo mini dólar (mini dólar código) é composto pelo radical WDO, a letra que corresponde ao mês que o contrato vence e os dois números correspondentes ao ano de vencimento. 

O que é necessário para operar mini dólar na Bolsa

Para operar mini dólar na Bolsa de Valores, basta escolher uma boa corretora mini índice e mini dólar. Para fazer a negociação, o investidor precisa depositar 15% do valor dos contratos negociados na conta margem da corretora como garantia. 

Em algumas circunstâncias, também podem ser aceitas outras garantias, como, por exemplo, títulos públicos, ações de companhias ou certificados de depósitos bancários. Não é necessário que o investidor possua posições em aberto no mini contrato para vendê-lo. 

A B3 faz um ajuste das posições em aberto em mini dólar diariamente, disponibilizando créditos e debitando valores nas contas dos investidores nas corretoras. Porém, apesar das transações com o mini dólar serem feitas no day trade, o pagamento é realizado somente na data de vencimento do contrato.

O que é necessário para negociar mini dólar na Bolsa?

Além de disponibilizar 15% do valor dos mini contratos como margem de garantia, o investidor deve levar em conta o valor da taxa de corretagem cobrada pelas corretoras de valores mobiliários pela intermediação da operação. Essa taxa tem um valor fixo, que incide sobre cada transação.

Outras tarifas a considerar são as taxas da B3: a instituição cobra um valor fixo para cada mini contrato de dólar quitado no vencimento e uma taxa para executar a negociação de cada mini contrato. 

É importante lembrar que o mini contrato de dólar é isento da taxa de registro e da taxa de permanência. Todavia, os ganhos líquidos nessas operações estão sujeitos à cobrança do Imposto de Renda. A alíquota base utilizada para esse tipo de ativo é de 15% sobre o lucro líquido. 

Como lucrar investindo em mini dólar

Como o câmbio é instável, e a oscilação é influenciada por uma série de fatores, o mini dólar é um investimento arriscado. Portanto, ele é mais recomendado para investidores de perfil menos conservador, dispostos a correr certos riscos em prol de lucros potencialmente mais altos. 

A disponibilidade da moeda, os investimentos estrangeiros e as remessas de dólar para outros territórios são alguns riscos que precisam ser analisados pelo investidor que almeja operar mini dólar.

Além disso, é válido levar em conta o fluxo de entrada de dólares gerado com exportação e importação, assim como as tendências de compra e venda da moeda no país, o cenário econômico e as taxas de juros. 

Diversifique sua carteira de investimentos com a G2D

Se você quiser entrar no mundo do mini contrato de dólar, o mais indicado é investir uma pequena parte de seu capital que não esteja comprometida para testar o investimento e entender se ele faz sentido para você. 

Além disso, é muito importante diversificar a sua carteira com outros investimentos para proteger o seu patrimônio e potencializar o seu retorno., mas sempre manter uma carteira diversificada de investimentos. Se precisar de ajuda para isso, conte com a ajuda da G2D! 

Quer investir com segurança e ter o apoio dos melhores profissionais para aumentar seus lucros, independentemente do tamanho de seu patrimônio? Então, assine nossa newsletter e fique por dentro do portfólio da G2D!

#

Conteúdos sobre tecnologia, startups e investimentos em Venture Capital e ativos alternativos.