RI: conheça nosso portfólio e resultados financeiros

4 min de leitura 09 junho. 2022

Windows 95 e Web3: o passado se repete no futuro da internet

# G2D Investments
Windows 95 e Web3: o passado se repete no futuro da internet

E se você pudesse voltar no tempo sabendo de todos os avanços tecnológicos que aconteceram depois? É assim que Windows 95 e Web3 podem ser comparados.

Pense em quantas inovações já ganharam espaço em menos de 30 anos: a popularização do e-m ail e das redes sociais, a invenção do smartphone e a própria criação do bitcoin.

Segundo a Andreessen Horowitz, a a16z, uma das maiores gestoras de Venture Capital do mundo, hoje a Web3 está no mesmo patamar da internet como a conhecemos 27 anos atrás. Ou seja: estamos vivendo os primeiros dias de um movimento que vai transformar definitivamente a maneira como interagimos nos meios digitais.

A partir de agora, você vai entender como isso está acontecendo e como você pode aproveitar melhor esse momento pensando no futuro que está para chegar. Acompanhe!

O que o Windows 95 e Web3 têm em comum?

Em 24 de agosto de 1995, o Windows 95 foi lançado com uma série de novidades que hoje são comuns, como o Menu Iniciar, barra de ferramentas, dispositivos Plug and Play, e um navegador de internet (o famoso Internet Explorer).

Na época, o lançamento foi um divisor de águas especialmente para a experiência do usuário, que se tornou muito mais amigável do que a oferecida pelas versões anteriores do sistema operacional da Microsoft.

O Windows 95 representou um salto tão grande do ponto de vista de tecnologia e usabilidade que é usado até hoje pelos mais saudosos. Nos Estados Unidos, o próprio Pentágono usava Windows 95 em pleno ano de 2017.

Pensando na quantidade de usuários, a Web3 está em um patamar semelhante à internet de 1995. Em seu relatório State of Crypto, a Andreessen Horowtiz estima que esse número esteja entre sete milhões e 50 milhões de usuários ativos, com base na atividade da cadeia da criptomoeda Ethereum.

>>> Veja mais: Web3 para creators: a chance de ganhar dinheiro na internet

“Fazendo uma analogia com a internet comercial, isso nos coloca em algum lugar por volta de 1995 em termos de desenvolvimento. A internet atingiu 1 bilhão de usuários em 2005 – aliás, bem na época em que a web2 começou a tomar forma em meio à fundação de futuros gigantes como Facebook e YouTube”, diz o relatório.

“Se as tendências continuarem conforme descrito, a web3 poderá atingir 1 bilhão de usuários até 2031. Em outras palavras, ainda é cedo. Ainda há muito a ser feito. Vamos continuar construindo.”

Web3: número de usuários

Estimativa do número de usuários da Web3 com base em transações em Ethereum
(Fonte: State of Crypto 2022/Andreessen Horowitz)

O que esperar da Web3 em seus próximos passos

Mesmo com a queda do bitcoin, os criptoativos seguem sendo um pilar fundamental para a construção da Web3.

Isso porque, ao permitirem a descentralização e certificarem a propriedade digital, seus protocolos são a base de uma mudança de paradigma.

No podcast Bankless, o próprio Marc Andreessen traça um paralelo entre o que está acontecendo hoje na Web3 e o que já foi visto na Web1 e Web2:

“Quando você tem as pessoas mais inteligentes do mundo trabalhando em alguma coisa, os críticos fazem uma longa lista dos problemas. Esses gênios e empreendedores olham para essa lista como oportunidades. Eles pensam: ‘Se eu consertar isso, vou deixar minha marca no mundo'”, diz o fundador da a16z.

Além disso, ele também cita o livro The Mistery of Capital, do economista peruano Hernando de Soto, para explicar que o direito à propriedade na Web3 seria semelhante à inovação causada pelo conceito de direito à propriedade da terra no século 18.

“O dinheiro é uma ferramenta central para construir a civilização moderna, quer as pessoas aceitem isso ou não. Quando uma pessoa tem a propriedade da terra, ela tem motivação para investir e desenvolver o local”, diz Andreessen.

Dessa forma, dando a propriedade da internet às pessoas, a Web3 teria um potencial gigantesco de pesquisa e desenvolvimento ainda encoberto.

Como investir na Web3 com a G2D

A G2D Investments é uma empresa de Venture Capital presente na B3, a bolsa de valores brasileira. Por meio do papel G2DI33, qualquer pessoa pode investir em empresas privadas de alto crescimento que estão investindo em novas tecnologias, como a própria Web3.

É o caso do Mercado Bitcoin, uma das empresas no portfólio da G2D. Maior exchange de criptomoedas da América Latina, a empresa permite a emissão e negociação de NFTs dos mais diversos criadores, desde tokens de time de futebol até as NFTs de Silvio Santos. Assine a Newsletter da G2D e fique por dentro de todas as novidades.

#

Conteúdos sobre tecnologia, startups e investimentos em Venture Capital e ativos alternativos.